O MINI é tão simples como as linhas do primeiro esboço que o seu criador Alec Issigonis desenhou numa tolha de mesa de um restaurante.  

O espirito do MINI remomta ao final de 1920 inícios de 1930. Famílias inglesas que não podiam comprar grandes carros recorriam aos Austin, carros fiáveis e mais baratos.

No inicio década de 50 as ruas de Londres começavam a ficar congestionadas com carros e era necessário um pequeno carro citadino que fosse ao encontro das necessidades dos londrinos. Um carro familiar pequeno, barato, fiável, e económico.

Foi então Sir Alec Issigonis e a sua equipa, projectaram um pequeno carro citadino de dois compartimentos motor e habitáculo e teria de transportar 4 adultos confortavelmente.

A ideia inovadora passou por colocarem o motor de forma transversal, algo que nunca tinha sido feito antes.

A caixa de velocidades colocada na parte de baixo do motor e a tração às rodas da frente permitiram que o chão do habitáculo do nosso MINI fosse plano, pois não teria o eixo de transmissão para levar a força às rodas traseiras.

O Mini foi apresentado em 1959 e no primeiro ano foram vendidos 20,000 carros em 1962 foram lançados para o mercado mais de 200.000 carros, isto mostra claramente a aceitação do MINI fazendo dele um fenómeno de vendas e um fenómeno cultural.

O MINI esteve em produção entre 1959 e 1999. Em quatro décadas o nosso MINI tornou-se num icon numa referencia no mundo automóvel e em 1999 foi votado como o 2º carro mais influente do sec XX, o primeiro foi o Ford T.

Este MINI em particular tem o motor 1300 MG Metro de 73 cavalos, este motor foi todo construído de raiz e já fez mais de 50.000 Kms!!! Podes ver na integra o video sobre este classico (episódio 6 da Temporada 2).

MINI 1000 - Carburador crónicas
MINI 1000

Carros como este têm a facilidade de nos deixarem um sorriso de orelha a orelha quando os conduzimos. Muitos Vips tinham um MINI, Enzo Ferrari tinha um MINI, na verdade Enzo Ferrari tinha dois um prateado e outro vermelho.

Vivemos numa era em que os carros tem que ser grandes e espaçosos (SUVs) e carros como o nosso MINI vão contra essa tendência. Não temos o mesmo conforto e segurança que um temos num SUV, mas temos diversão e prazer, prazer de conduzir um carro assim tão ágil, um carro que facilmente se torna uma extensão de nós mesmos.

Para saberes mais sobre este MINI 1000 vê o TEST DRIVE e a entrevista ao Júlio, o atual proprietário deste clássico.

Telmo Ramalho

View all posts

Telmo Ramalho