A mando de André Citroen, Flaminio Bertoni e André Lefebvre, encabeçaram a talentosa equipa que desenvolveu o nosso Traction Avant. Eles defendiam que o peso do carro devia estar no eixo da frente, onde assentava toda a mecânica, enquanto que na parte de atras ficaria o habitáculo

Com o facto de se tirar a tracção às rodas traseiras e por conseguinte o eixo de transmissão, porque passámos a ter tração à frente, o centro de gravidade deste carro baixa significativamente o que faz com que ganhe imensa estabilidade.

De referir que este modelo da Citroën foi o primeiro carro do mundo a ser produzido em série com tração dianteira, daí o nome traction avant. Por ter tracção à frente e serem as rodas da frente arrastar todo o carro, este citroen era alcunhado de Arrastadeira.

Telmo Ramalho e a “Arrastadeira

Nos anos 30 O Traction Avant era um carro muito evoluído tecnicamente. Com uma carroçaria “monocoque” em aço, suspensão com barras de torção independentes, caixa de velocidades sincronizada e travões hidráulicos. O Citroën Traction Avant estabeleceu uma nova definição de automóvel e catapultou a marca para o futuro do mercado automóvel.

Em apenas 13 meses este carro foi projectado de raiz e produzido. Em Março de 1933 o “boss” Andre Citroën reúne a equipa de engenheiros e em Maio de 1934 o primeiro cliente recebe o seu Traction Avant.

Entre 1934 e 1957 foram produzidos mais de 760,000 unidades do Traction Avant, isto mostra o quão amado e ademirado era por todos.

Eram muitos os que procuravam um carro seguro, rápido e fiável, desde policias a bandidos, agentes da gestapo a revolucionários. Este modelo da Citroën foi utilizado como viatura oficial do Presidente Francês Charles de Gaulle, mas foi também conduzido pelos vilões do livro da colecção das Aventuras de Tintim.

Este Citroën representa a França, os belos anos da França o prestigio deste grande país mas, representa também o sonho de um homem e dos seus princípios: o espírito pela descoberta, o sentido de concorrência, o respeito pela engenharia e a procura permanente por evoluir.

Este Citroën Traccion Avant 11 BL que conduzimos é de 1949, tem um motor de 4 cilindros em linha, 1900 cc de 43 cv. Obrigado ao Sr. Rui Queiroz, o seu proprietário, por nos ceder este seu clássico.

Assiste ao vídeo do Test Drive a este clássico.

Telmo Ramalho

View all posts

Telmo Ramalho